Eleições 2020: fique atento à ordem de votação na urna eletrônica




Os eleitores que comparecerem nas Eleições 2020, nesse dia 15 de novembro, devem estar atentos à ordem de votação na urna eletrônica. Primeiro, é necessário confirmar o voto para vereador. Posteriormente, o voto para prefeito.

A inversão leva à anulação dos votos, uma vez que os candidatos para o Legislativo municipal têm cinco números, enquanto os candidatos ao Executivo, apenas dois.

SIMULADOR ELEIÇÕES 2020 Para os eleitores que querem se familiarizar com as urnas, o TSE disponibiliza o simulador de votação.

No ambiente virtual, é apresentada uma urna semelhante à utilizada nas seções eleitorais, permitindo ao eleitor “votar” para os cargos em disputa nas Eleições 2020.

Os candidatos apresentados são fictícios, e objetivo é ensinar os eleitores a procederem corretamente na hora do voto. Caso aconteça algum erro, uma mensagem em texto vai explicar de que forma o voto deve ser registrado.

COLA É SEGURANÇA O TSE estimula os eleitores a usarem o apoio de uma cola, ou “colinha”, como também é chamado o papel de apoio. O eleitor pode preparar um esboço com nome e número dos candidatos, na ordem correta, para não correr riscos de errar ou esquecer.

A prática é permitida, mas o uso de aparelhos eletrônicos é proibido na cabine de votação. Por isso, a cola deve ser feita com papel e caneta.