Equipe Mercedes de Fórmula 1 desenvolve respiradores no apoio a pacientes com coronavírus


Um aparelho respiratório que pode ajudar a manter os pacientes com coronavírus fora de cuidados intensivos foi criado em menos de uma semana. O dispositivo é fruto de um trabalho conjunto dos engenheiros da University College London, médicos da UCLH, e a equipe de Fórmula 1 Mercedes F1 Team.

O dispositivo fornece oxigênio aos pulmões sem a necessidade de um ventilador. Dispositivos de pressão positiva contínua nas vias aéreas (as CPAP) já são usados em hospitais, mas ainda são escassos. Na China e na Itália, dispositivos como estes foram usados no apoio a pacientes com o covid-19.

Deste projeto, já foram entregues a ULCH e outros três hospitais londrinos quarenta dos novos dispositivos. Com a certeza dos testes, até mil máquinas de CPAP poderão ser produzidas por dia na fábrica da Mercedes-AMG-HPP, a partir de uma semana. O dispositivo já foi aprovado pela Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA).