Britânicos se unem para aplaudir profissionais da saúde que lutam contra o coronavírus


Em um ato que tem se tornado comum nos últimos dias, chegou a vez do Reino Unido aplaudir seus profissionais de saúde. Atendendo ao chamado do que ficou conhecido como "Clap for Carers", os britânicos aplaudiram o NHS e todos os profissionais de saúde que estão na linha de frente, na luta contra o coronavírus.

A Família Real e o primeiro-ministro Boris Johnson se uniram aos simpatizantes que, de suas varandas e janelas, bateram palmas como forma de prestar homenagem. A NHS, nas redes sociais, descreveu o episódio como "emocionante".

A Rainha Elizabeth II disse que o país está "extremamente agradecido" a todos que estão na linha de frente para a resposta britânica ao vírus e sua doença, o covid-19. Pelo Instagram, a monarca disse que o Reino Unido estava grato pela "experiência e comprometimento de nossos cientistas, médicos e serviços públicos e de emergência".

Além disso, um vídeo postado pelo Kensington Palace mostrou o príncipe George, a princesa Charlotte e o príncipe Louis também aplaudindo, para agradecer a todos que "trabalham incansavelmente", para ajudar a todos os afetados pela covid-19.

O príncipe de Gales, que está infectado com o coronavírus, a duquesa de Cornualha e seus funcionários, que se encontram em Birkhall, na Escócia, também se uniram ao aplauso coletivo. E este é mais um episódio de solidariedade do povo britânico, que já tem muitas histórias de amizade e solidariedade durante este momento tão difícil da humanidade.