Delegado Responde - Desaparecimentos, furtos e prisão de receptador de cargas


JORNAL O SANTARRITENSE - Dr. Domingos, em nossa redação, chegaram as informações de uma semana agitada na Delegacia de Polícia, com registros de dois desaparecimentos, furtos e tentativas de furto em um bairro desta cidade, além da prisão de um receptador de cargas, cujo roubo ocorreu em nossa cidade. Poderia falar sobre estes fatos?

DR. DOMINGOS ANTONIO DE MATTOS - Sim, começando pelos dois registros de desaparecimento.

J.O.S. - O que o senhor pode nos informar?

DR. DOMINGOS - Sobre o primeiro fato, consta que, na unidade do Plantão Policial, compareceu uma parente de uma jovem de 21 anos, informando que, desde o dia 30/11 não tinha mais notícias de seu paradeiro. Esta parente, no plantão policial, informou que a jovem fez uma viagem para o município de Santos/SP, na casa de parentes, onde lá permaneceu até quarta-feira, dia 27/11, tendo a informação que de lá sairia, com destino ao município de Ribeirão Preto/SP, onde está matriculada em uma instituição de ensino superior. 

Na quinta-feira, dia 28/11, a declarante dos fatos recebeu um telefone de um taxista, informando que a jovem estaria no município de Rio de Janeiro/RJ e que havia sido roubada e, em razão disto, estaria a auxiliando, embarcando a jovem em um ônibus com destino a cidade de Pirassununga/SP, sendo que, ao recepcionar a jovem, esta não se encontrava no ônibus. 

A jovem foi encontrada no município de São Paulo/ SP, sendo atendida por uma das Delegacias de Pessoas Desaparecidas da capital, onde foi acolhida e abrigada por seu tio, residente na cidade de Santos/SP, sendo encontrada em perfeitas condições.

J.O.S. - E sobre o segundo fato?

DR. DOMINGOS - O segundo desaparecimento foi registrado nesta semana, onde a mãe de um rapaz de 23 anos, ao sair da casa do avô, no dia 24/11 sob pretexto de fazer um serviço na casa de um conhecido, não mais retornou. Em sede de investigações preliminares, apurou-se que o jovem desaparecido é dependente químico e já houve casos de desaparecimento em outras ocasiões. O Setor de Investigações está empenhado na localização desta pessoa.

J.O.S. - E quanto aos furtos ocorridos em um bairro de nossa cidade, o que o senhor pode nos informar?

DR. DOMINGOS - Nesta Unidade Policial foram registrados 03 boletins de ocorrência sobre estes furtos, sendo dois consumados e um tentado. Quanto ao modus operandi, o(s) autor(es) dos delitos, durante a madrugada de segunda-feira, ganhou(aram) acesso ao interior dos imóveis e, aproveitando que os moradores estavam dormindo, mediante arrombamento da porta da sala ou da cozinha, acessava(m) o interior da moradia, subtraindo um item da residência. 

Nos dois casos registrados, ocorreu a subtração de aparelhos televisores. O Setor de Investigações foi prontamente acionado, onde procuram por registro de imagens nas residências aos arredores das casas vitimadas, com o objetivo da identificação do(s) autor(es) e a consequente responsabilização criminal.

J.O.S. - Dr. Domingos, fale sobre a prisão do receptador de carga no município de Porto Ferreira.

DR. DOMINGOS - No dia 04/12, policiais militares da cidade de Porto Ferreira, após contato de uma firma de rastreamento,obtiveram a informação de que, o sinal do rastreador de uma carga indicava que esta se encontrava em um logradouro daquela cidade. O sinal em questão referia-se a uma carga carregada em um caminhão, veículo este cujo rastreador fora desabilitado. 

Em diligências, os policiais militares chegaram ao logradouro citado, constatando tratar-se de um galpão, com portão trancado com cadeado. Na vistoria preliminar realizada não foi localizado o caminhão. Ciente a Polícia Civil daquele município uma equipe para lá se deslocou, onde o cadeado foi estourado e, no interior deste galpão, a mercadoria foi encontrada. 

Na realização destas diligências, o proprietário do galpão apareceu no local e, a princípio, negou os fatos, afirmando que o cadeado que estava no portão fora colocado por pessoa desconhecida. Mas, após ser revistado, foi encontrado um molho de chaves, no qual uma delas perfeitamente se encaixava no cadeado que estava colocado no portão, derrubando então a versão anteriormente apresentada. O motorista da carga roubada foi localizado e conduzido à Delegacia de Porto Ferreira, onde em declarações, narrou a dinâmica do roubo que sofrera, indicando que o local dos fatos foi na Rodovia Anhanguera, em Santa Rita. 

Apesar de que os autores do roubo, até o momento, não foram identificados, o Delegado de Polícia de Porto Ferreira, em razão das circunstâncias acima descritas,autuou em flagrante o proprietário do galpão, pelas práticas dos crimes de Receptação Dolosa e Associação Criminosa, sendo este recolhido ao cárcere. A carga recuperada está avaliada em aproximadamente em R$ 637.000,00, sendo vários produtos da marca “Gillette”.

J.O.S. - E quanto ao mutirão do RG, que se realizará nos próximos dias 12, 13 e 14 de dezembro no Centro Cultural Mário Covas, quais são as informações que o senhor pode nos passar?

DR. DOMINGOS - Nesta nova ação, decorrente da parceria da Prefeitura Municipal desta cidade, do IIRGD e da Delegacia de Polícia de Santa Rita do Passa Quatro, visa dar continuidade ao atendimento quanto à expedição de RGs neste município, para suprir as necessidades da população, devido à desativação provisória do Posto de Identificação deste município, em razão da aposentadoria da servidora que ali prestava serviços. 

Este novo mutirão irá ocorrer nos próximos dias 12, 13 e 14 de dezembro (quinta-feira, sexta-feira e sábado), a partir das 09:00h, no Centro Cultural Mario Covas, com atendimento por ordem de chegada e limite de 150 pessoas por dia. O serviço será realizado pelo Setor de Identificação Móvel do IIRGD para a emissão do documento para menores de 18 anos (1a via) e renovação (2a via – todas as idades).

Para emissão da 1a via, o serviço é gratuito, porém só pode ser oferecido a menores de 18 anos que ainda não possuem o documento. Para isso será necessário apresentar a original da Certidão de Nascimento e uma foto 3/4 recente, colorida, e com fundo branco. Menores de 16 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsável legal (portando a guarda ou tutela). Jovens com idade entre 16 e 18 anos, basta apresentar a certidão de nascimento e a foto 3⁄4.

Para renovação (2a via) será necessário pagar uma taxa de R$ 39,80 e apresentar original ou cópia do RG anterior, foto 3/4 recente, colorida, com fundo branco, certidão de nascimento ou casamento atualizada, com averbação em caso de viuvez ou separação. Estão isentos da taxa desempregados, mediante apresentação de carteira de trabalho, idosos (mulheres com idade acima de 60 anos e homens acima dos 64 anos). Serão emitidos apenas a 2a via de documentos do Estado de São Paulo.

Nestes documentos poderão ser inseridas outras informações, como número da CNH, número do Título de Eleitor, número do Cartão SUS, mediante apresentação do original destes documentos. Também pode ser incluída a tipagem sanguínea, sendo que o interessado deverá levar o exame clínico respectivo.