Mesmo sem casos na cidade, Saúde alerta sobre a necessidade de vacinação


O Departamento Municipal de Saúde de Santa Rita do Passa Quatro faz um alerta à população sobre a necessidade de atualizar o calendário de vacinação, especialmente contra o sarampo. De acordo com o Ministério da Saúde, o estado de São Paulo registra 1.220 casos da doença.

Santa Rita ainda não possui caso da doença em 2019, porém é necessário que a população fique em alerta e quem nunca tomou a vacina deve procurar pelo Centro de Saúde para ser imunizado. Nascidos a partir de 1960 devem tomar a dose única da vacina. Para pessoas até 29 anos, são aplicadas duas doses.

O Governo Federal, através do Ministério da Saúde, anunciou esta semana a distribuição de mais de 16 milhões de doses da vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, caxumba e rubéola, para todo o país. Desse total, 6,5 milhões foram destinadas aos municípios paulistas, pois o estado concentra quase 100% dos casos de sarampo registrados nos últimos 90 dias, segundo dados do órgão. O coeficiente de incidência da doença foi de 0,58 por 100 mil habitantes.

As vacinas enviadas atendem à imunização de rotina prevista no Calendário Nacional de Vacinação e às situações de surto de sarampo. O ministério destaca que a vacina é o principal meio de prevenção de sarampo, caxumba e rubéola.

A vacinação no Centro de Saúde II ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h às 15 horas. Nos PAS CAIC o horário de atendimento é das 8h às 11h e das 13h às 16 horas, também de segunda a sexta-feira.