Notas Policiais da semana


POLÍCIA CIVIL RECONHECE ESTELIONATÁRIO QUE AGIU EM SANTA RITA

No dia 25 de junho p.p., compareceu na Delegacia de Polícia de Santa Rita do Passa Quatro- -SP, uma pessoa, moradora da cidade de Santa Cruz das Palmeiras-SP, noticiando ter sido vítima de um estelionato, praticado por um indivíduo até então desconhecido, que se encontrava morando nesta cidade naquela ocasião.

Conforme narrado pela vítima, após ter anunciado para venda o seu veículo Hyundai Tucson, o autor demonstrou interesse, sendo que a vítima veio até Santa Rita onde entabulou uma negociação com tal indivíduo, que se identificou pelo prenome de “Paulo”. Assim, foi proposta uma troca, tendo a vítima no dia 19/06 p.p. deixado o seu veículo com o autor, o qual lhe entregou um caminhão M.Benz, na condição de que ambos iriam experimentar e avaliar os veículos, antes da conclusão do negócio.

Passados os dias seguintes, a vítima percebeu nos contatos telefônicos realizados com o autor que este começou a lhe “enrolar” em relação à documentação e apresentação de um outro veículo que iria também entrar no negó- cio, tendo então vindo até nossa cidade, onde constatou que o autor já havia se mudado para local desconhecido, levando consigo o seu veículo Hyundai Tucson. A vítima verificou ainda que o caminhão M.Benz, que o autor havia lhe entregado, se tratava de produto de estelionato, praticado na cidade de Sumaré-SP.

Registrada a ocorrência na Policia Civil local, imediatamente o Setor de Investigações iniciou diligências, vindo a identificar o autor do delito como sendo Marcos Jefferson dos Santos Pinto Tavares, de 44 anos, natural de Piracicaba-SP, o qual possui inúmeros antecedentes criminais, a maioria deles por estelionatos praticados em diversas cidades deste Estado.

Em relação à tal pessoa, foi ainda verificada a existência na rede social “Facebook” de um grupo, em seu nome, onde várias pessoas mencionam terem sido vitimadas por ele, a maioria das vezes em negociações envolvendo veículos.

Posteriormente, na data de 15 de julho p.p. o veículo Hyundai Tucson, da vítima de Santa Cruz das Palmeiras-SP, foi apreendido por Policiais Civis da cidade de Bragança Paulista-SP, já em poder de terceiros, que também teriam sido vítimas de estelionato, igualmente praticado por Marcos Jefferson, o qual se encontra atualmente em local desconhecido.

Foi também apurado pela Polícia Civil local que o autor, no mês de junho p.p. e quando se encontrava temporariamente nesta cidade, praticou outro delito semelhante, envolvendo aquisição e troca de veículos, fazendo assim mais uma vítima.

POLÍCIA CIVIL DE SANTA RITA IDENTIFICA AUTOR DE FACADAS CONTRA PEDREIRO


Na noite de 15 de julho, foi registrada uma ocorrência em uma chácara situada nas imediações do bairro Jardim Lagoinha, em Santa Rita, na qual policiais militares foram acionados a comparecer no local, onde foi encontrada a vítima, um pedreiro de 50 anos, a qual se encontrava caída no solo e apresentando lesões causadas por instrumento pérfuro-cortante (faca), praticadas por um indivíduo até então desconhecido, durante um desentendimento.

A vítima então foi socorrida pelo SAMU ao Pronto Socorro local, onde foram verificadas perfurações nas costas e um corte em um dos braços, bem como alegava não estar sentindo as pernas, o que motivou a sua remoção para a Unidade de Emergência do HC de Ribeirão Preto-SP ainda naquela data.

Após a comunicação dos fatos à Polícia Civil local, o Setor de Investigações promoveu levantamentos iniciais, nos quais foi apurado que a vítima se encontrava trabalhando em uma obra no local dos fatos, juntamente como utras duas pessoas, sendo uma delas o autor, identificado preliminarmente somente pelo prenome de “Paulo” e um outro indivíduo até então desconhecido, que inclusive teria presenciado a agressão mas que não foi localizado no local inicialmente, tratando-se todos os três provenientes da cidade de Ribeirão Preto-SP.

Na sequência das investigações, o autor foi identificado como sendo Paulo Pereira Da Silva, de 20 anos de idade, o qual, segundo apurado, no dia seguinte ao delito, já teria se evadido da região, provavelmente para o seu Estado de origem, sendo também identificada a testemunha presencial dos fatos.

A vítima, até a última segunda-feira, se encontrava hospitalizada, mas, segundo as informações obtidas, já não apresentava risco de morte.

HOMEM FOI QUEIMADO VIVO EM DESCALVADO

A Polícia Civil de Descalvado elucidou a motivação e a autoria do homicídio hediondo ocorrido na última sexta-feira, 19, em Descalvado, em que Elizeu Bueno de Morais foi encontrado morto, total- mente carbonizado no interior do porta-malas de seu próprio carro.

Logo após o crime os investigadores da Polícia Civil iniciaram os trabalhos em busca de identificaro autor deste crime bárbaro, que gerou grande comoção entre os descalvadenses e região, e nos primeiros momentos da investigação a suspeita já recaia sobre JAS de 43 anos, que era amigo da vítima.

Como as suspeitas e os indícios que recaiam sobre JAS eram fortes o Delegado titular de Descalvado, Dr. Alexandre da Silva Leonardo fez o pedido de prisão temporária em face dele, o que foi concedido pela justiça e rapidamente ele foi capturado.

O crime JAS em depoimento disse aos policiais que desconfiava que a vítima fazia investidas amorosas para com sua companheira, e de forma a tentar comprovar tais investidas ele instalou um aplicativo que grava conversas no celular dela, e após algumas gravações pode ver que, segundo ele, a vítima dizia para a companheira “ficar com ele, caso contrário mataria o autor na estrada”. Diante das circunstâncias planejou a morte de Eliseu, aproveitando que na última sexta-feira, data do assassinato, a vítima foi até sua casa, levando uma arma de fogo para que o autor a vendesse.

Ainda segundo o depoimento de JAS, Elizeu lhe entregou a pistola e as munições, e com a vítima desarmada ele pegou uma barra de ferro que estava atrás da porta da cozinha e o golpeou pelas costas, atingindo sua cabeça, fazendo com Elizeu caísse ao solo, desacordado. Após isso colocou-o no porta malas do carro e dirigiu até em meio a uma plantação de cana, espalhou etanol sobre o veículo e ateou fogo, fugindo do local.Vítima foi queimada viva

O golpe que a vítima recebeu não foi suficiente para retirar a sua vida, pois o trabalho pericial no IML constatou que haviam fuligens no aparelho respiratório de Elizeu, o que aponta para o fato de que ele estava vivo no momento em que o carro ficou em chamas. JAS está preso e responderá pelo crime de homicídio.

Arma de uso restrito também foi encontrada Durante a prisão os policiais encontraram a arma enterrada em um buraco na residência de JAS, o que o fez também ser preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo.

Fonte: Descalvado Agora