Notícias da Estrela


FUTEBOL – O novo Grêmio Estrelense jogou no sábado passado contra uma equipe de Porto Ferreira em campo neutro, no da Santana, em Santa Rita do Passa Quatro. O campo é um dos maiores da região. A tarde estava chuvosa e nem todos os nossos atletas estavam disponíveis para a peleja, fomos para o confronto com três jogadores que haviam vindo de contusão, Casca, Rodrigo e Alaor, tínhamos no banco apenas um reserva que foi revezando no decorrer da peleja, mas mesmo assim pudemos apresentar um bom futebol.

Estávamos perdendo de 3 a 0, mas tivemos uma recuperação indo ao placar de 3x2, pressionando o adversário, com possibilidades de chegar ao empate quando terminou a partida.

CARNAVAL – Gostaríamos de ter informações sobre a condução que levará o pessoal da Estrela a participar dos festejos, aliás falando nisto, precisamos sim de um local, ou uma maneira de divulgar mais estas comunicações, pois muitas vezes elas são programadas, mas são mal divulgadas, poucos tem acesso a estas informações. Vários eventos programados, ficamos sabendo quando a condução está parada na praça ou as vezes até já foi embora.

UBS DA ESTRELA – Tenho tido conhecimentos de comentários dos usuários, quanto ao retorno dos exames solicitados e executados. Os resultados chegam no posto e o paciente não recebe esta informação. Temos ali alguns agentes de saúde que percorrem o Distrito, cada um com seu espaço, abrangendo toda a comunidade, ao menos é o que acreditamos.

Cada um tem as suas visitas agendada sem determinados espaço de tempos. Como aprimoramento queremos que não só venham perguntar se tudo está bem, mas sim já trazerem as informações necessárias ali disponíveis, como chegada dos exames e se possível já agendado o retorno de passagem ao médico. 

Atualmente temos que ir lá solicitar os resultados, temos uma comunidade com muitas pessoas de idade, que a lembrança destes exames pedidos pelo médico, caem no esquecimento, ai mora o perigo. Caso se tenha algo a ser tratado, talvez até com certa urgência, esta demora ou este esquecimento, ou esta não informação pode agravar a situação. Portanto pedimos que seja orientado a estes agentes que fiquem atentos as informações que devam ser levadas as pessoas de sua responsabilidade neste âmbito. QUE NÃO SÓ PERGUNTEM MAS INFORMEM...

ESTRADAS – Devidos as fortes e constantes chuvas, faz-se necessário alguns reparos nos acostamentos de nossas vicinais. Fica aqui a solicitação ao órgão competente para uma vistoria e uma programação de reparos.

RISCO NA PISTA – A Rua Eugenio Anacleto Rodrigues Dias não é uma mera Rua, mas sim uma pista que liga Porto Ferreira à Tambaú, por isto o seu trânsito é mais acentuado aqui no Distrito. Próximo a esquina com a Messias de Abreu, já defronte a Escola, a tampa de um bueiro está bem abaixo do nível do asfalto, o que tem causado fortes solavancos nos veículos que ali passam, sendo um risco eminente para motos e carros pequenos. 

O local é passagem de alunos e acompanhantes, enfim da comunidade, já houve casa de se perder a direção ali tanto com motos como com carros devido ao solavanco inesperados dos veículos. Fica ai a nossa solicitação para que esta situação seja solucionada, antes que algo grave venha ocorrer.

REFLEXÃO - Começo de ano, começo de mandato do presidente, começo de novas expectativas, começo de esperanças??!!

Um ano que já figura com graves tragédias, com perdas de muitas vidas, algumas tragédias já anunciadas, ou até programadas, mas relegadas a segundo plano.

Alias, planos é o que não faltam a nossa classe política que já pensa e projetam seus objetivos para 2020, Prefeitos e Vereadores. Aí diz um amigo meu já de idade:

- Na realidade temos um ano de governo: No primeiro ano estão se ajustando,

No segundo ano estão ajustando as coisas.
No terceiro ano vamos tentar fazer alguma coisa,
No quarto ano, bem ai a gente se preocupa com a formatura e trabalha na nossa imagem para passar para o ano seguinte, por que este curso está terminando e a gente gostou dele...

Ai eu paro para pensar e fico tentando decifrar que ano que ele trabalhou???

Parece que nestes últimos anos esta imagem ficou mesmo nítida, trabalharam para eles visto a gama de corrupção que assolou o País.

Aí vejo um prefeito lá de Colatina, simples, andando de bicicleta, e sendo projetado no mundo como um grande administrador. Caramba!!!

- SABE O QUE ELE FEZ?

Esteve em contato direto com a comunidade, viveu o dia a dia do pessoal, foi um deles, sentiu na pele o que se precisava fazer, o que precisava mexer.

Como fez o Basilio lutando pelo Distrito, como fez o seu Toninho Soares, aumentando e acertando casas para o povo daqui, como fez a Dona Dulce, atendendo o povo dia e noite por amor.

RESUMO - Precisa se vontade de fazer.
Coragem de fazer.
E mais, sentir o povo como seu povo.
Como sempre digo, nossa cidade, independente da vila,

é um povo só, um povo Santarritense que anseia por atenção, que quer ver a nossa casa chamada CIDADE POEMA,rimando com felicidade e prosperidade.

- NOSSA NEM FALEI DOS APOSENTADOS!!!

Ai olho pra mulher ela me responde: - EU TE DISSE, EU TE DISSE...