Notícias da Estrela - Dia de Todos os Santos / Finados


NOVEMBRO - Minha coluna vai ficar pequena no tamanho, mas grande no coração. Dia 1 temos a comemoração do dia de todos os Santos.

Antigamente se dava mais importância a este dia. Era um dia para se refletir, e até mudar muitos conceitos.

Um dia que nos aproximava mais daqueles que lutaram por amor a Deus, a Jesus, ao próximo.

Lembro que neste dia cada filho em casa escolhia a vida de um Santo, e numa reunião de família, cada um lia esta biografia para que os outros ouvissem e aprendessem e até soubessem de sã consciência, por que ele era considerado Santo.

E estas biografias ficavam cravadas em nós, como um caminho para seguir, para procurar estar mais próximo a DEUS, e também ao próximo.

Era um momento de confraternização e conscientização do bem.

Muitas religiões abominam o Santo, mesmo sem conhecerem sua vida, sua história, sua obra.

Será que seriam capazes de fazer o que eles fizeram?

Falamos muito de DEUS, mas não sabemos valorizar aqueles que realmente seguiram seus mandamentos, seu caminho, relegando a vida boa, por de luta, de sofrimento, de pobreza, em prol do próximo.

Temos um feriado, no dia dois de novembro - finados.

Falamos dos profetas dos apóstolos da época de CRISTO, mas e dos recentes, daqueles que mantem as leis, nos tempos atuais, nos tempos também difíceis.

Ai nosso orgulho, nossa vaidade, nos proíbe de reconhecê-los como exemplo, e muitos então se recusam a divulgar, mas não possuem disposição para se despojarem de seus bens, para seguir uma vida que eles seguiram.

A pé, com roupas surradas, comendo as vezes restos, doentes, sofrendo maus tratos, mas lutando pelo próximo e muitas vezes até sem um teto pra se abrigar.

Como São Francisco de Assis, com um reinado nas mãos, largou tudo, se desfez até das vestes para estar no meio do povo lutando por eles.

Amo Deus sobre todas as coisas, e gostaria sim de ter a capacidade de seguir os Santos.

DIA 2 – FINADOS :- Ai um dia pra refletir, para divulgar os nossos entes queridos que se foram, que nunca deverão serem esquecidos, principalmente as suas boas ações, e as más se houveram e forem relevantes temos que perdoar e não cometê-las, pois serviram de exemplos para vermos o que não fazer.

Vai aqui a minha solicitação que já faço há muitos anos. Digo que o cemitério da Estrela, está abandonado...

Precisam ter mais carinho com os nossos entes queridos que aqui repousam.

Deveria ter um lugar aqui, um posto da prefeitura como tinha antigamente, onde houvesse um livro de registros deste campo santo.

Onde qualquer familiar pudesse ali chegar e ter a localização de onde encontrar a sepultura de seu ente querido. Hoje você só acha se percorrer o cemitério todo, ou for

com alguém que se lembra onde fica, e muitos já sumiram,se perderam, foram destruídos, soterrados.

Não em quadra, não tem registro aqui.

Já encontrei muitos parentes rezando no portão, pois diziam que o ente querido estava ali dentro, mas não se sabia onde.

QUE DEUS ABENÇOE A TODOS.