Notícias da Estrela


FUTEBOL I – Devido ao feriado da sexta-feira não tivemos o Futebol Nota 10, no sábado passado. Na realidade por falta de opções de lazer estas faltas deixam um vazio, pois é justamente quando aumenta o contingente de pessoas na Estrela e no fundo a atividade do Futebol Nota 10, soaria assim até como uma opção bem vinda de lazer.

FUTEBOL II – No domingo na parte da manhã o time do Marcio, fez um amistoso com uma equipe de Santa Rosa do Viterbo, preenchendo a manhã e suprindo um pouco a saudade do esporte no Distrito.

FUTEBOL III – Está em planejamento com o nosso incansável Serginho, os planos para um society destinado aos veteranos para o fim do ano. Estamos aguardando e pronto a cooperar.

TRASNPORTE RETORNO DE RIBEIRÃO PRETO– - Estou aguardando e acompanhando pra que possamos divulgar a solução deste problemas dos pacientes da ESTRELA.

MÉDICO – Com as férias do Dr. Reginaldo em andamento, Santa Cruz da Estrela está descoberta neste setor. Mais uma vez a população sem saber:

- SE VAI TER MÉDICO, ou ficará mais um mês sem a ajuda deste profissional.

É ai onde eu cobro a falta de planejamento, pois dificilmente isto ocorre de um dia para outro, (salvo emergência), então tudo pode ser planejado e a comunidade informada, de quem irá substituir neste período. Mas parece que mais uma vez brigo por algo que não precisaria brigar. Isto talvez não seja só um privilegio da Estrela, será que em outros UBS também não ocorre?

A nossa população está ficando cada vez mais idosa, e a nossa juventude uma boa parte, mais doente portanto a saúde precisa ser olhada como uma das prioridades da sociedade.

REFLEXÃO - Aí eu deito na minha rede da varanda e ponho-me a pensar. Como seria bom se a gente seguisse os bons exemplos que a vida nos oferece.

Vejo as crianças brincando na quadra, uns correndo pra cá outros pra lá, aí aparece um pra organizar a brincadeira, daqui a pouco todos estão envolvidos no mesmo projeto, no mesmo brinquedo. Ele veio com a bola, cedeu sua propriedade para que todos pudessem ter aquele momento, de integração, feliz e de união.

Olho mais para baixo e estão os pequeninos brincando na areia.

- Aqui é minha casa diz uma menininha com a boneca nas mãos, e ali é a sua aponta pra outra.

Eu fico olhando, aqui e em seguida vejo a menina de cá com a boneca no colo, vai lá e bate palmas, a outra atende e ela pede um pouco de açúcar emprestado. A outra sai e volta com um punhado de areia na mão e lhe entrega e ela vai embora agradecendo e feliz.

PENSEI – Ela sabe que não podia entrar na casa da outra sem pedir, e a outra sabia que poderia dividir o que tinha.

Na mesma hora, quase caio da rede quando vejo passar a geração maior, comentando:

-Que se dane e pula a cerca sem ele ver e pega, qualquer coisa saindo correndo.

- Vamos fazer isto outro dia ele veio me pedir algo e eu não arrumei, ele que se vire que arrume o dele.

VERDADE o bem e o mal, o certo e o errado estavam ali lado a lado.

Ah! Meu Deus, este País ainda tem salvação, pois a semente do bem não se apagou... Basta Regá-la.