O maior gibi do mundo é brasileiro! É da Turma da Mônica, e foi apresentado na Bienal do Livro


Durante a Bienal do Livro 2018, Mauricio de Sousa e Panini apresentaram uma “grande” novidade. E grande no tamanho, pois estamos falando do maior gibi do mundo. Trata-se de uma HQ com quase um metro de altura, em formato proporcional semelhante aos tradicionais quadrinhos e que será comercializado, com 100 unidades disponíveis, algumas delas disponíveis já na Bienal.

De acordo com a Panini, trata-se de um meio de chamar atenção para o hábito da leitura, uma vez que este tipo de material chama atenção, por vários fatores, e acaba despertando de uma maneira diferente este hábito. Já Mauricio de Sousa acredita que ol material faz com que seu trabalho com historias em quadrinhos, que começou há 59 anos nas tirinhas de jornal, ganhe mais espaço, especialmente em outros países, que contam com iniciativas da Turma da Mônica.

O gibi, que passou por todos os critérios necessários de avaliação pelos juízes do Guinness Book, presentes durante a apresentação, tem um metro de altura por 70 centímetros de largura. O HQ que detinha o recorde, era o CruZader: Agent of the Vatican, de Omar Morales, que tem 96,46 centímetros de altura, por 60,96 centímetros de largura.



Ainda na Bienal do Livro, há mais uma novidade a ser anunciada. No dia 10/08, haverá o anúncio de uma parceria entre a Mauricio de Sousa Produções, a Panini e, de acordo com o material enviado à imprensa, “uma das maiores editoras de histórias em quadrinhos e responsável pelos super-heróis mais famosos do mundo”.

O evento, que começou no dia 3 de agosto e acontece até o dia 12, também trouxe várias opções em livros, e tecnologia. A Microsoft apresentou projetos de Inteligência Artificial e Realidade Virtual, a Estrela trouxe livros diferentes, com a proposta de interação com brinquedos, e até sebos vendiam quadrinhos e livros por preços bem baratos.