Policial

[Policial][bsummary]

Cultura

[Cultura][bsummary]

Mulher

[Mulher][bsummary]

Tecnologia

[Tecnologia][twocolumns]

Mais um município busca em Santa Rita modelo de concessão do saneamento


É uma constante, cada vez mais Santa Rita do Passa Quatro é exemplo para outros municípios. Ações como choque de gestão, para enfrentar a crise financeira, e aconcessão do saneamento se tornam referências para outrasadministrações municipais.

Na última sexta-feira (13/7) um grupo de Ouro Preto, cidade histórica de Minas Gerais, esteve em Santa Rita para conhecer o trabalho realizado pela Comasa (CompanhiaÁguas de Santa Rita), concesionária que assumiu o saneamento básico no município.

Estiveram na cidade o superintendente executivo Júlio Cesar Correa, o diretor de gestão Rafael Britto de Figueiredo e o diretor técnico engenheiro Luciano Gomes Pereira, todos do Serviço Municipal deÁgua e Esgoto de Ouro Preto (Semae), além do diretor de operações Carlos Roberto Ferreira, da gerente de negócios Elisa Ribeiro e do diretor comercial Eduardo Castagnari, da GS Inima do Brasil, empresa a qual pertence a Comasa.

Após conhecer as instalações e o trabalho da Comasa, o grupo também esteve na Prefeitura, onde foi recebido pelo prefeito Leandro Luciano dos Santos em seu gabinete. O motivo da visita foi o fato de que, apesar se sua importância no turismo e educação – pois é sede de universidade federal – o município de Ouro Preto não possui tratamento de esgoto. Seus representantes vieram então em busca de conhecimento, da alternativa implantada em Santa Rita para o setor.

“Fico triste por participar de uma reunião com representantes de uma cidadehistórica, como Ouro Preto, que possui uma universidade federal de medicina, e ter recebido a informação do superintendente do Semae, que o município tem zero por cento do seu esgoto tratado”, disse o prefeito. “Por outro lado, isso me deixa satisfeito pela decisão que tomamos junto coma Câmara e sociedade civil, com a concessão, tendo como grande parceira a Comasa, que está conseguindo enxergar a pequena Santa Rita com pensamentos de cidades altamente desenvolvidas e de futuro promissor”, concluiu.

Esta foi a sétima vez que representantes de outros mu-nicípios vêm a Santa Rita em busca de exemplo no setor de saneamento. Representantes de Jardinópolis (SP), Brodowski (SP), Casa Branca (SP), Valinhos (SP), Erechim (RS) e Campina Grande (PA), também estiveram em Santa Rita para buscar informações sobre a concessão, desde que iniciada há menos de dois anos.

A concessão do saneamento também foi apresentada, em abril do ano passado,no Panorama da Participação Privada no Saneamento 2017, evento de nível nacional, realizado em Brasília (DF).