Conheça Haimrik, o interessante game que faz "palavras ganharem vida"


Dizem que os games com narrativa estão com os dias contados, mas duvido muito. E, mesmo que a indústria acabe preferindo em um futuro os games online, preterindo os games com uma história, os indies estão aí para manter a chama acesa, do mesmo jeito que continuam a produzir excelentes games de plataforma.

E, falando em narrativa e plataforma, o BIG Festival apresenta para quem estiver visitando o festival o excelente Haimrik, um jogo de plataforma no qual, literalmente, as palavras ganham vida. Você controla um escriba que vive em uma cidade medieval com tudo o que esses locais tem direito: dragões, guerreiros, magos e etc.

Haimrik precisará partir para uma jornada para derrotar um rei maligno e seus generais, usando as palavras para isso. Mas não, não estamos falando de conversas diplomáticas, e sim do fato de que nosso protagonista tem o Poder das Palavras. Isso significa que o nosso herói pode usar palavras pelo cenário para resolver seus problemas. É assim: se você precisar se defender, é só ver a palavra “espada” no cenário, chegar nela e pegar uma arma para atacar.

Ou, se precisar apagar um incêndio, que você mesmo inicia passando por cima da palavra “fogo”, terá que achar um “balde” e “água” nos textos do cenário para resolver o problema. Este gameplay propõe criativos quebra-cabeças, no qual o jogador terá que ler o texto e, a partir dele, acertar a ação a ser realizada. Além de momentos de ação, no qual será preciso, por exemplo, comandar um arco e flecha para derrotar os inimigos.

E, para fechar o pacote, uma animação bem peculiar. Com sprites rabiscados e cenários com tonz acinzentados, mas com animações um tanto “cruéis”, com o nosso valente guerreiro se derretendo com o fogo, sendo fatiado ao meio com as espadas e tantas outras animações “bonitinhas”, porém bem humoradas.

Haimrik está disponível para Xbox One e PC, e concorre no BIG Festival 2018nas categorias Melhor Arte e Inovação. O BIG Festival acontece até o dia 1 de julho, em São Paulo e no Rio de Janeiro.