Caminho da Paz traz desenvolvimento turístico para nossa cidade


Desenvolver o cicloturismo em nossa região! Esse é o objetivo do Caminho da Paz que atua na região central do Estado de São Paulo e compreende municípios da Região Turística Histórias e Vales: Descalvado, Leme, Pirassununga, Porto Ferreira, Santa Cruz da Conceição, Santa Cruz das Palmeiras, Santa Rita do Passa Quatro, São Carlos e Tambaú e mais dois municípios da Região Turística Serra do Itaqueri: Itirapina e Corumbataí.

Desde o seu lançamento em dezembro de 2016 e em 2017, o caminho começou a se estruturar, desenvolvendo a sinalização por meio de placas e setas amarelas, criação de um facebook e um site (www.circuitocaminhodapaz.com.br) e cadastramento de meios de hospedagem, pontos de apoio. Ainda em 2017 vários ciclistas fizeram o Caminho da Paz de forma experimental e até mesmo já recebendo o passaporte para concluí-lo.

Em 2018, o circuito ainda passou por ajustes, alterando trajetos e agora com 100% consolidado, avançaremos no processo de divulgação e eventos e avançarmos no processo de monitoramento e avaliação estatística. No último mês de abril foi realizado, um encontro com os gestores do Caminho da Fé, a qual visualiza-se novas oportunidades de parcerias e cooperação.

O Caminho da Paz é muito importante para o nosso município ressalta Fábio Samogim (Assessor de Turismo de Santa Rita e Responsável pela logística do caminho)

Com o início da divulgação, começaremos a atrair mais ciclistas e peregrinos para a região, o que vai beneficiar os meios de hospedagem, uma vez que o circuito todo de 380km pode ser percorrido em 4 dias (ciclistas) e 11 dias (peregrinos caminhando), estabelecimentos de alimentação por onde os turistas vão passar e lojas de equipamentos para bicicletas, ressalta Eduardo Cunha, mediador da RT Histórias e Vales.

Sobre o Caminho da Paz É um roteiro de peregrinação entre vários municípios que serão beneficiados pelo caminho, como elos deste Roteiro Turístico, que além de religioso pode ser considerado um super trekking, turismo cultural, turismo ecológico, dentre outros adjetivos que podemos atribuir ao caminho, no qual poderá se conhecer um pouco da cultura de cada lugar. Fazem parte do Caminho da Paz os municípios de Tambaú, Santa Rita do Passa Quatro, Porto Ferreira, Descalvado, São Carlos, Itirapina, Corumbataí, Santa Cruz da Conceição, Leme, Pirassununga, Santa Cruz das Palmeiras.