Inspire-se em quatro tendências de cabelo do passado que voltaram com tudo!


Dizem que a moda anda em círculos, e com os cabelos não é diferente! Nesta temporada, as releituras de estilos que já foram sucesso no passado viraram destaque para quem busca um visual mais interessante, moderno e diferenciado. Descubra os hits e inspire-se para a sua próxima transformação.

Cabelo colorido

“Os cabelos coloridos foram muito usados nos anos 1980 e 1990 e voltaram a reinar de uns dois anos para cá. Eles se encaixam muito bem no perfil da mulher de hoje em dia, que é arrojada, divertida e moderna. Nós tivemos um retorno gradual, que começou com os cinzas, passou para os violetas e rosados, como o strawberry blond, e agora chegamos às várias cores mescladas. É muito interessante ver esse retorno do despojado tanto nos cabelos, quanto na maquiagem e nas roupas, e é algo que está acontecendo com força”, explica o hairstylist e visagista Wagner Macedo.

Pensando em embarcar nas madeixas coloridas? Se você já usou no passado, saiba que agora elas estão mais fáceis de alcançar e até de manter. “Elas estão mais duráveis do que antigamente, e temos colorações que vão permanecer bem bonitas por 25 a 30 dias, de acordo com a quantidade de lavagens que você faz. Depois é só reavivar. Também não precisamos mais de uma descoloração completa dos cabelos, muitas já permitem que você diminua um pouco o fundo e aplique a cor por cima. Cada tipo de corante tem um fundo necessário e não é essencial ir para o claríssimo através do descolorante, que é muito agressivo”, conta.

Cachos volumosos

O permanente foi uma das químicas mais famosas dos anos 1980 e 1990, formando cachos bem volumosos. Agora, eles surgem renovados. “É uma tendência, mas agora buscamos principalmente os cachos naturais. Eles estão muito em evidência e as pessoas estão fugindo dos alisamentos e dessas modificações muito agressivas aos fios. Cada vez mais mulheres investem no movimento e no volume, e eles fazem sucesso seja nas ruas, ou nas capas de revista, com essa pegada autêntica e que traz muita força. Para a saúde do cabelo isso é muito bom, porque as mulheres estão indo em busca da recuperação dos danos que foram feitos em um passado recente”, revela. Pensando em fazer a transição capilar? Aqui você encontra todas as dicas.

Franja na testa


A franja curta e reta está de volta aos holofotes, e pode ser bastante interessante para quem busca um visual mais rock and roll. “Essas franjinhas no meio da testa trazem um estilo mais ousado, agressivo e muito moderno, inspirado principalmente na pegada rocker dos anos 1980 e 1990. É um cabelo muito interessante porque chama toda a atenção para o rosto, funcionando até mesmo em fios que tem bastante textura. Hoje em dia conseguimos adaptar para vários formatos de face e fazer ficar muito bem dentro do seu estilo. Existem menos regras e é possível quebrar um pouco as barreiras que tínhamos antes de ‘pode ou não pode’ e fazer funcionar para qualquer mulher que queira aderir”, indica.

Fios desconectados

Movimento é palavra de ordem quando o assunto é cabelo moderno, mas se engana quem pensa que isso é uma novidade: ele tem suas origens lá na década de 1990. “Esse cabelo desconectado, com várias camadas, está com tudo e passa uma sensação de modernidade e de uma mulher cheia de atitude. Nós conseguimos usar em todas as texturas, sejam lisas ou cacheadas, para qualquer formato de rosto e até dando ou removendo volume de acordo com a maneira que será estilizado e de como essas camadas são espalhadas. Se você vai fazer, é bom investir no corte de manutenção a cada 20 ou 25 dias, porque os fios crescem desiguais e podem acabar tirando o formato bacana que foi dado inicialmente”.