Após três meses da inauguração, Ecoponto apresenta bons resultados



Inaugurado pela Prefeitura Municipal em junho, em comemoração à Semana do Meio Ambiente, o primeiro Ecoponto de Santa Rita do Passa Quatro apresenta números que comprovam seu resultado positivo.

Com grande adesão da população, após três meses desde sua implantação, o Ecoponto já recolheu e destinou 66 caçambas de material resultante de poda e corte de grama ou resíduos de construção civil. Cada caçamba tem capacidade de 3 metros cúbicos de material.

Todo o material recebe destino ambientalmente correto, pois é depositado em área apropriada, com a devida licença. De acordo com o Departamento Municipal de Meio Ambiente, no caso dos resí- duos de poda e corte de grama, o risco ambiental ocorre quando no descarte irregular é ateado fogo.

No caso dos recicláveis, também desde a inauguração, mais de 50 caçambas foram recolhidas e destinadas à Associação dos Agentes Ecológicos de Santa Rita, entidade organizada que atua na coleta seletiva do município.

INICIATIVA
O Ecoponto foi idealizado pelo Departamento de Meio Ambiente para atender uma necessidade da população de descartar especialmente sobras de construção civil, de pequenos reparos e podas de árvores e arbustos, que antes eram despejados irregularmente em terrenos baldios ou nas estradas.

O objetivo é coibir o descarte irregular destes materiais, que não podem ser considerados como lixo comum ou doméstico (este recolhido normalmente pelo serviço de limpeza pública municipal). O Ecoponto também recebe lixo reciclável e todo o material recolhido, recebe destinação ecologicamente correta.

O Ecoponto funciona de segunda a sexta-feira, das 6h às 18 horas, com a presença de um funcionário da prefeitura que recebe o material e também con- trola a limpeza do local, evitando a proliferação de pragas, como o mosquito da dengue, por exemplo.

Há limite para descarte de restos de poda ou de construção civil, pois visa atender a população que fez pequenos trabalhos cujo volume de resíduos não justifica a contratação de serviço de recolha. No caso de volumes maiores, os responsáveis permanecem obrigados a contratar as empresas de caçambas, normalmente.

OUTRAS
O Departamento de Meio Ambiente também recolhe e encaminha para destino ambientalmente correto material eletrônico descartado pela população. A Campanha do Lixo Eletrônico acontece duas vezes por ano, com recolha destes materiais, através de parceria com a iniciativa privada.

Nas campanhas, há um dia específico no qual as pessoas podem levar o material a ser descartado em um ponto de recolha montado em praça pública. O Departamento de Meio Ambiente também recebe este material, em sua sede, no período entre uma campanha e outra. Quando há uma quantidade su ciente, a empresa passa para recolher. A empresa parceira é devidamente licenciada para atuar na área.