Cidade

[Cidade][bsummary]

Policial

[Policial][bsummary]

Mulher

[Mulher][bsummary]

Eventos

[Eventos][twocolumns]

Grande número de pedidos para retirada de árvores urbanas preocupa do Departamento de Meio Ambiente



Um dado alarmante: para cada pedido de plantio, são feitas 2,5 solicitações de cortes de árvores na cidade de Santa Rita do Passa Quatro. O número impressiona o Departamento de Meio Ambiente, da prefeitura Municipal, responsável pela análise dos casos e por decidir pela supressão ou não da árvore solicitada.

De acordo com o Departamento, desde o início do ano, foram feitas 47 solicitações de plantio e 115 de retirada de árvores. Os motivos justificados por quem pede a retirada são quase sempre os mesmos: danos no calçamento, presença de animais como taturanas ou obras nas residências que estariam sendo atrapalhadas pela árvore plantada.

Nem todos os pedidos são atendidos, já que antes de suprimir a árvore, um responsável do Departamento de Meio Ambiente analisa o local para concluir se há mesmo a necessidade da sua retirada. “Muitas reclamações não procedem”, diz a diretora do Departamento, Adriana Silvestre Ramos Lioni. “Em muitos locais, constatamos que a árvore não rompeu a calçada, nem mesmo provocou outro dano que justifique sua retirada”, concluiu.

Ainda de acordo com o Departamento, muitos moradores, que não têm o pedido de retirada acatado, acabam matando a árvore de alguma maneira. “As pessoas não têm ideia da importância dessas árvores”, diz a diretora. “Muitos pedem sua retirada e depois reclamam do forte calor”, lamenta.

Apesar do saldo negativo de pedidos, o Departamento de Meio Ambiente intensificou o plantio de árvores em área urbana. Apenas este ano, 195 novas árvores foram plantadas na cidade, de 11 espécies que são adequadas para o perímetro urbano.