Cidade

[Cidade][bsummary]

Policial

[Policial][bsummary]

Mulher

[Mulher][bsummary]

Eventos

[Eventos][twocolumns]

Pensando Bem... Para que servem os monumentos?



Monumentos são erguidos por razões variadas. Alguns para marcar território, ou seja: determinar de quem pertence determinada área. Cidades históricas mantém seus monumentos como verdadeiras peças de museu à céu aberto e cada um tem suas lendas e curiosidades.

Monumentos são erguidos a m de registrar eventos que ocorreram em determinado lugar, onde batalhas foram travadas, cidades foram erguidas, heróis foram sepultados.

Há monumentos que aludem à vida e obra de um vulto da literatura, da política, da medicina, da ciência, enfim: pessoas que se tornaram nobres em sua vida e obra sendo assim “imortalizadas” por gerações.

No seu aniversário de 157 anos, Santa Rita do Passa Quatro recebeu mais um monumento: à Bíblia. Por que um monumento às Sagradas Escrituras? O que significa para a cidade este evento?

A existência do Livro Santo dos cristãos (e judeus – o Antigo Testamento) é um milagre. A Bíblia chegou até nós de forma sobrenatural. Registros históricos nos dizem que já houveram inúmeras tentativas de se eliminar as Escrituras da face da terra, o que nunca aconteceu. Sempre houve um remanescente que escondeu, copiou, reproduziu outros exemplares (milagrosamente) com total exatidão. Não há erros na Bíblia. Sua mensagem chegou intacta até nós porque, se este é o Livro de Deus e Deus é todo Poderoso, exerceu seu poder a m de que sua Palavra chegasse a nós completa e inerrante.

O significado deste monumento para nossa cidade, conhecidamente religiosa, é que Deus está sendo honrado na entrada da cidade com um trecho das Escrituras, demonstrando aos que vierem conhecer a “Cidade Poema” (com suas belezas e encantos) que temos a Bíblia em alta consideração.

Pensando bem, esse monumento salda uma dívida que os cristãos tinham para com a cidade, pelas belezas que Deus nela colocou. Santa Rita do Passa Quatro demonstra, assim, o quão agradecida está pelas riquezas naturais e de flora e fauna, com que Deus a contemplou.

Pensando bem, esse nosso “Monumento à Bíblia” veio num momento singular, quando mais precisamos de fé, coragem e obediência à Deus e seus mandamentos, para que possamos vislumbrar um futuro melhor para nossa gente.

Deus seja louvado por tal iniciativa.