Cidade

[Cidade][bsummary]

Policial

[Policial][bsummary]

Mulher

[Mulher][bsummary]

Eventos

[Eventos][twocolumns]

ZPP Meio Ambiente: Nada de Cai, Cai, Balão! Nada de Pular a Fogueira


Mês de junho é realmente agitado! Traz a consciência da semana do meio ambiente, o romance dos namorados, os dias gelados do Inverno…e as deliciosas festas juninas, que com o passar do tempo conseguiram se adaptar a novos conceitos.

Embora as comemorações do mês conservem certas tradições, como o calor das pessoas, o sabor dos pratos típicos e o bom humor das músicas, foi a época do cai,cai balão, de pular a fogueira! Festa Junina hoje é sustentável e mais colaborativa do que nunca! Por isso, hoje a gente vai sugerir uma nova forma de festejar em casa, sem poluir o meio ambiente e evitando o desperdício.

Decoração

Bandeirinhas não podem faltar, certo? Ela dão vida, movimento e trazem as melhores recordações da infância. Ao invés de utilizar os papéis de seda coloridos, que tal resgatar jornais e revistas e tirar deles o material para os enfeites? A solução é econômica e ecológica porque dá nova utilidade a coisas que você já tem em casa!



Chapéu de palha pode servir de cumbuca. Toalhas xadrez e garrafas de vidro vazias também entram no décor.



Legumes e flores formam arranjos maravilhosos e originais.



Bandeirinhas econômicas e exclusivas.




Brincadeiras

A pescaria é a brincadeira mais famosa das festinhas e instiga crianças e adultos. Vamos aproveitar esta popularidade para implementar uma novidade ao jogo? Uma piscina infantil ou uma bacia grande podem ser o lago que você precisa. Os peixinhos de plástico, de brinquedos infantis, fazem uma participação especial para a brincadeira e depois voltam para os filhos. Varinhas de bambu com “anzóis” de cabides antigos facilitam a pesca. Os desafios ficam por conta das latinhas e garrifinhas PET espalhadas pela água… vai ser muito mais difícil pegar o peixinho em meio a tanta sujeira, não? Você escolhe o vencedor entre quem pescar mais peixes ou despoluir o lago mais rápido…



Figurino
Nada de comprar roupas novas! Divertido é garimpar retalhos e customizar as peças. A camisa xadrez que está super na moda, entra no espírito da festa! A camisa lisa ganha outra cara com um lenço colorido amarrado no pescoço. Calça jeans fica uma graça com pedaços de tecido estampado e alinhavado. O chapéu country do papai pode ser emprestado para o filhão. A menina ficará linda com trancinhas e fitas.



Ah, misturar peças listradas e com estampas também surte um efeito divertido…

Prendas
A gente sabe que o mais gostoso da festa é confratenizar, mas para as crianças, tem que ter brincadeira e prenda. Nesse caso, que tal promover uma troca de brinquedos entre os pequenos participantes? Cada um leva brinquedos em bom estado que possam doar e todos ficam contentes com as novidades!



Olhe só que jeito bacana de distribuir os “estalinhos”. Caixa de fósforo forrada com crepom e tampinha de garrafa forrada e pintada.

Descartáveis

Copinhos e pratinhos de plástico facilitam um bocado, né? Se lançar mão desses acessórios é inviável, prefira ao menos aqueles de papelão, que são recicláveis…se você quiser economizar mesmo, junte copos de vidro ( daqueles de geleia, requeijão, conservas) e pratos descombinados da casa. A solução evita o acúmulo de lixo.



Copos de geléia para servir bebidas ou caldos quentinhos!!!!