Mariana Caltabiano recebeu o Título de “Cidadã Santarritense Honorária”

Mariana Caltabiano recebeu o Título de “Cidadã Santarritense Honorária”



A Câmara Municipal de Santa Rita do Passa Quatro realizou na noite de sexta-feira, dia 29 de janeiro, no Palácio "Professor Oscar de Oliveira Alves", uma emocionante Sessão Solene, quando foi outorgado o Título de “Cidadã Santarritense Honorária”, a ilustríssima Mariana Caltabiano, escritora, diretora e produtora de livros, cinema, televisão e teatro – propositura de autoria da Vereadora Norma Jamus Villela.

O Vereador Lucas Comin Loureiro presidiu a Sessão e atuou como mestre de cerimônia, abrindo a solenidade convidando os Senhores Vereadores para tomarem assento em seus respectivos lugares, chamando-os nominalmente: Heraldo Luciano, Luis Roberto Daldegan Broglio, Norma Jamus Villela e Sebastião César Barioni.

Convidou para tomarem assento à Mesa O cial as seguintes autoridades: Dr. Leandro Luciano dos Santos, Prefeito Municipal; Tenente Coronel Eduardo Xavier Ferreira Glaser Nigon, MD. Comandante do 13o Regimento de Cavalaria Mecanizada de Pirassununga; Sr. Eduardo Jardim, ator que faz as vozes dos personagens Stress e Relax no lme e Fernando Monteiro de Barros, Presidente do Conselho Municipal de Cultura. A homenageada da noite, Mariana Caltabiano, foi acompanhada pelo Vereador Sebastião César Barioni para ocupar seu lugar de honra.

Em seguida todos os presentes cantaram o “Hino Nacional Brasileiro”, executado pelo Coral “Professor Octávio Bueno de Camargo” e pela Banda “Zequinha de Abreu”.

Logo após, usaram a Tribuna os Vereadores: Luis Roberto Daldegan Broglio, que fez a leitura das correspondências recebidas e, Heraldo Luciano, que fez a leitura do Decreto Legislativo no 006/15, que concede o Título de Cidadã Santarritense Honorária a Mariana Caltabiano.

A Câmara Municipal homenageou os compositores da “Canção do Jequitibá”, que muito bem representa essa riqueza natural que presenteia nosso município, sendo eles: Senhor Antonio Carniato Filho: autor da letra e a família Camargo, representando o saudoso Professor Octávio Bueno de Camargo: compositor da música.

Em seguida houve a execução da Canção do Jequitibá, apresentada pelos alunos do Projeto “Tico-tico no Fubá”, sob a regência da Professora Mariangela Pereira Barioni.

O Presidente da Academia Santarritense de Letras e autor da Canção do Jequitibá, Sr. Antonio Carniato Filho, declamou lindo poema durante a solenidade. Usou da palavra também o Fernando Monteiro de Barros.

O Prefeito Municipal Sr. Leandro Luciano dos Santos, também usou da palavra, agradecendo Mariana pela divulgação de nossa cidade através de seu trabalho “Brasil Animado” e demonstrou todo seu carinho pelas famílias Camargo e Carniato que também foram homenageadas.

Lembramos que Mariana é a idealiza- dora do desenho "Brasil Animado", que mistura personagens com cenas reais. É o primeiro lme com imagens do país ao vivo em 3D. O longa-metragem apresenta a dupla Stress e Relax, personagens criados por Mariana Caltabiano, em busca do "grande jequitibá rosa". Assim, foi apresentado no telão um trecho do referido lme.

Presente na Sessão Solene, Eduardo Jardim que fez as vozes dos personagem, recebeu uma singela homenagem das mãos do Vereador Luis Roberto Daldegan Broglio. Eduardo foi convidado a apresentar naquele momento trechos das falas a dupla Stress e Relax, o que agradou a todos.

Não podia car de fora deste marcante evento a obra mundialmente conhecida, de autoria do compositor santarritense Zequinha de Abreu, a música “Tico-tico no fubá”, que foi interpretada pela Ver. Norma Jamus Villela – ao piano – e pela Banda Municipal “Zequinha de Abreu”.

Momento de emoção: Mariana Caltabiano recebeu das mãos de Kleber Borotto e de Ân- gela Pereira um lindo quadro, que é um trabalho artístico de Ângela Pereira com imagens do Jequitibá Rosa. E em seguida, o aguardado momento: a Vereadora Norma Jamus Villela e o Prefeito Leandro L. dos Santos, zeram a entre- ga do “Título de Cidadã Santarritense Honorária” a nossa nova conterrânea, Mariana, além de um bóton com o Brasão de Santa Rita do Passa Quatro e um ramalhete de ores. Norminha e Mariana usaram da palavra em seguida.

Foi executado também o Hino de Santa Rita do Passa Quatro acompanhado pelo Coral “Professor Octávio Bueno de Camargo” e pela Banda “Zequinha de Abreu”. O Presidente Lucas Comin agradeceu a presença de todos e encerrou a Sessão Solene.
Leia Mais
Após pausa para Carnaval, Campeonato Municipal de Futebol Society volta dia 15

Após pausa para Carnaval, Campeonato Municipal de Futebol Society volta dia 15



O 1o Campeonato Municipal de Futebol Society 2016, José Eduardo Esídio - Lica, de Santa Rita do Passa Quatro, fará uma pausa na próxima semana em função do Carnaval. A bola rolou até esta sexta-feira, dia 5, e volta para o gramado da Quadra Esportiva Pedro Roberto Perussi - Toco, no Centro de Lazer do Trabalhador Waldomiro Braz Barioni, no próximo dia 15, segunda-feira.

Com uma bela solenidade de abertura, o campeonato teve início no último dia 26 de janeiro, terça-feira. Promovida pelo D.M.E. (Departamento Municipal de Esportes), a competição foi dividida em duas categorias Livre e Master, com 19 equipes na briga pelos títulos das duas categorias.

Unidos Por Acaso F.C., Disk Limp, Bronks, Cooper Gesso, Galáticos, Copaza, Absolut F.C., União F.C., MDM F.C., Os Intrusos, Estrelatos, Mangue Seco F.C., Kebra Banca, All Star e America disputam a categoria livre, em duas etapas. Na 1a fase, serão formados três grupos com cinco equipes, que jo- gam entre si dentro do próprio grupo, onde os dois primeiros se classi cam para a próxima fase.

Na segunda etapa, serão formados dois grupos com três equipes que se enfrentam em jogo único dentro do próprio grupo. Os primeiros colocados de cada grupo disputam a nal da competição.

Os vencedores disputam a nal em jogo único, não haverá direito de vantagem para nenhuma equipe, se a partida terminar empatada, haverá prorrogação, persistindo o empate haverá disputa de pênaltis.

Na categoria Master, quatro equipes disputam a competição em apenas um grupo. Os dois primeiros colocados disputam a nal da competição em jogo único e o 1o colocado joga com direito ao empate para conquistar o título.

Não haverá disputa de 3o e 4o colocados em nenhuma categoria.

Os jogos acontecem de segunda a sexta-feira, a partir das 19h30, no centro de Lazer do Trabalhador, com entrada gratuita.
Leia Mais
CREAS promoveu palestra para adolescentes sobre maioridade penal

CREAS promoveu palestra para adolescentes sobre maioridade penal



O Departamento de Assistência e Desenvolvimento Social da Prefeitura Municipal de Santa Rita do Passa Quatro, através do CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), promoveu mais uma palestra socioeducativa destinada a adolescentes do município.

A ação aconteceu no último dia 28 de janeiro, na sede do CREAS, com tema Maioridade Penal. O palestrante foi o juiz da 2a Vara da Infância e Juventude no município, Dr. Raphael Augusto Cunha.

Com novo endereço, na rua José Gomes de Oliveira Barbosa, 175, na Vila Moda, o CREAS oferece orientação e apoio especializado voltados a famílias e indivíduos com direitos violados.
Leia Mais
Meio Ambiente: Qual a diferença entre reutilizar e reciclar?

Meio Ambiente: Qual a diferença entre reutilizar e reciclar?



Embora reutilizar e reciclar sejam atitudes que façam a diferença a todos os cidadãos conscientes que se preocupam em cuidar do meio ambiente, elas não são a mesma coisa. Na verdade, essas ações começam com o ato de reduzir, completando o grupo dos 3 Rs. Assim, o consumidor deve analisar a real necessidade de adquirir algum produto ou serviço, abolindo a compra por impulso e desperdícios. Que tal reparar aquele eletrônico em vez de comprar um novo? A ideia também é atentar as pessoas para escolher aqueles que duram mais e podem ser utilizados mais de uma vez.

Reduzir é a atitude sustentável mais importante, já que reutilizar e reciclar somente minimizam os impactos, apesar de serem igualmente importantes. Vamos conhecê-las melhor?

Reutilizar
Para muitas pessoas, reutilizar e reciclar são ações sinônimas. No entanto, elas são diferentes. Durante o reuso, os materiais não precisam passar por nenhum tipo de transformação para serem empregados na confecção de novos objetos, às vezes de acordo com sua proposta inicial, às vezes totalmente distante disso. A atitude refere-se a dar outra função àquilo que você não está mais utilizando e promover o consumo consciente. Exemplo disso é doar roupas, sapatos, móveis e outros itens que você não use mais. Além disso, reformando ou customizando produtos, você pode dar uma nova cara a eles ou utilizá-los com uma nova função. Dessa forma, você ajudará a diminuir o uso de matéria-prima e, consequentemente, a poupar recursos naturais.

Reciclar
Mesmo reduzindo e reutilizando, ainda poderão haver itens que serão descartados depois de cessar a sua utilidade. Como na natureza nada se perde, tudo se transforma, mesmo diante de situações assim, reciclar é uma das maneiras mais sustentáveis de destinar corretamente esses materiais. Basicamente, trata-se de colocar o material em um novo ciclo de produção, de forma que o que era considerado lixo seja transformado em outro material que, por sua vez, é usado na confecção de novos produtos. A atitude ajuda a diminuir a quantidade de resíduos que vão para os lixões ou aterros e ainda gera renda para catadores e cooperativas, contribuindo para a diminuição da demanda por matéria-prima.

Praticamente tudo pode ser reciclável, basta separar cada produto de acordo com o material utilizado para sua confecção. Coloque em uma lixeira somente os resíduos orgânicos e em outra embalagens de plástico, metal, entre outras para facilitar essa separação. Em seguida, verifique se no seu bairro existem programas de coleta seletiva para cada um deles.

Agora que você já sabe a diferença e a importância de cada uma dessas ações, não deixe de praticá-las!


Leia Mais
Fatiminha inicia 2016 com excelente resultado

Fatiminha inicia 2016 com excelente resultado



Participando da 11a Corrida Oral B em São Paulo, no Campo de Marte e imediações, com percurso de 7 km e presença de 7 mil corredores, nossa atleta santarritense Fatiminha obteve o 20o lugar no geral e 3o na categoria 40 anos acima. Sem dúvida é um excelente início de ano e que promete mais conquistas. Parabéns Fatiminha!
Leia Mais
Rompida pela chuva da semana passada, galeria já foi recuperada pela Prefeitura

Rompida pela chuva da semana passada, galeria já foi recuperada pela Prefeitura



A chuva do último dia 27, quarta-feira, provocou o rompimento de uma galeria de águas pluviais que passa pelo Parque Turístico Municipal (Clube de Campo), em Santa Rita do Passa Quatro, abrindo uma grande cratera no local.

Imediatamente, pro ssionais do Departamento Municipal de Obras e Departamento de Serviços Municipais (DSM), da Prefeitura, entraram em ação para recuperar o local atingido. Para reconstruir a galeria, que recebe águas das chuvas dos bairros São Salvador e Vila Kennedy, foram substituídos quatro tubos de concreto e também construída uma nova caixa de alvenaria. Em seguida o buraco foi totalmente coberto.

Outro local bastante prejudicado pela chuva, foi a rua Rosa Vita, no Jardim Bela Vista, onde o asfalto cedeu e abriu outra cratera, também já tapada pela Prefeitura.

CHUVAS
Com 428,5 milímetros de precipitações, o mês de janeiro de 2016 foi o mais chuvoso dos últimos três anos. O mesmo período do ano passado registrou 173,9 milímetros, enquanto que em 2014 choveu apenas 75,2 milímetros. O último dia 27 de janeiro, quarta-feira, foi o dia mais chuvoso do mês, registrando 71,6 milímetros. Neste dia, em praticamente 50 minutos, choveu quase o mesmo que em todo o mês de janeiro de 2014.
Leia Mais
Veterinário de São Carlos é proibido de dar consulta grátis e caso gera indignação na web

Veterinário de São Carlos é proibido de dar consulta grátis e caso gera indignação na web


O veterinário de São Carlos (SP) Ricardo Fehr Carmargo, que desde o dia 23 de janeiro passou a não cobrar pelas consultas aos sábados, foi impedido pelo Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV) de realizar os atendimentos gratuitos no consultório dele. Indignado, o médico postou um vídeo na internet que já tem mais de 7 milhões de visualizações.

Em nota enviada ao G1, o conselho esclareceu que ações de utilidade pública são aquelas realizadas por entidades sem ns lucra- tivos como, ONGs, instituições públicas ou entidades e empresas a elas conveniadas, tendo total apoio do órgão quando a sua nalidade estiver vinculada ao atendimento de animais carentes.

"Vai ser aberto um processo ético, ele vai ser noti cado, vai ter ampla defesa para se justi car e depois nós vamos ver dentro de uma sessão especial de julgamento ético se ele tem culpa ou não. Tem diversas penalidades, até a cassação do exercício pro ssional", explicou o presidente do CRMV, Mário Eduardo Pulga.



DESCUPEM ESSE DESABAFO !!INFELIZMENTE , NAO PODEREI MAIS REALIZAR OS ATENDIMENTOS GRATUITOS AOS SÁBADOS , POR ENTENDEREM QUE ESSE TIPO DE SERVIÇO NÃO É DE UTILIDADE PÚBLICA, PEÇO QUE ASSISTAM O VÍDEO DO MOMENTO EM QUE A FISCAL TENTA EXPLICAR PARA MEU ADVOGADO, O PORQUE DE EU NÃO PODER AJUDAR AS PESSOAS, COM O MEU DINHEIRO, E COM MEU TEMPO !! SE VOCÊ ACHA QUE ESSE TIPO DE SERVIÇO É DE UTILIDADE PÚBLICA, PEÇO QUE ASSISTA , CURTA E COMPARTILHE , VAMOS FAZER ESSE VÍDEO VIRAR UM ABAIXO ASSINADO DE TODOS QUE ACHAM QUE ESSE É UM SERVIÇO DE UTILIDADE PÚBLICA , VAMOS CONTINUAR LUTANDO POR UM MUNDO MELHOR PARA OS ANIMAIS CARENTES !!!NO PAIS DA CORRUPÇÃO AJUDAR O PRÓXIMO É PROIBIDO!!!!
Publicado por Ricardo Fehr Camargo em Segunda, 1 de fevereiro de 2016
Fiscalização
O veterinário afirmou na terça-feira (2) que pesquisa algumas ONGs da cidade para se liar. No último sábado (30), ele recebeu a visita de uma representante do CRMV. A scal alegou que a prática da ação gratuita desrespeita o código de ética da pro ssão. “Achei que ela tinha vindo me dar parabéns pelo projeto, mas ela só veio me informar que o CRMV não considerou meu serviço como utilidade pública”, contou.

No momento, havia 40 cães na clínica à espera de atendimento. “Depois que ela saiu, para não suspender o atendimento, meu advogado resolveu pagar por todas as consultas das pessoas que estavam na fila”, disse o veterinário.

Fonte: EPTV
Leia Mais
Tambaú: Mulher grávida de 7 meses é assaltada e estuprada pelo suspeito

Tambaú: Mulher grávida de 7 meses é assaltada e estuprada pelo suspeito



Uma mulher grávida de sete meses foi assaltada e estuprada em Tambaú no domingo (31). O autor do crime, um homem de 24 anos, foi preso em flagrante.

Segundo a Polícia Militar, a jovem de 21 anos caminhava sozinha pela Rua Ernesto Riciardi quando foi abordada pelo suspeito, que estava em uma moto. O assaltante anunciou o roubo e exigiu os pertences da vítima: dois aparelhos celulares, relógio e dinheiro. Em seguida, ordenou que a mulher subisse na garupa.

Seguiram até o bairro Vila Pedreira onde ocorreu o estupro. Após o crime, o homem iria deixar a mulher na rua onde ela foi rendida, quando uma viatura da PM em patrulhamento pela região central abordou a dupla. A mulher contou aos policiais o que tinha acontecido. O suspeito foi detido e, após prestar depoimento, foi encaminhado para a penitenciária de Casa Branca.

Fonte: G1
Leia Mais
Biblioteca Municipal divulga o primeiro “Leitor do Mês” de 2016

Biblioteca Municipal divulga o primeiro “Leitor do Mês” de 2016



A Biblioteca Pública Municipal Dr. Evandro Mesquita, de Santa Rita do Passa Quatro, já tem o primeiro “Leitor do Mês” de 2016. Ou melhor, uma leitora. Sebastiana Cândida Alves Rodrigues levou para casa 10 livros, todos romance, e é a homenageada do mês de janeiro.

O “Leitor do Mês” é uma homenagem da Biblioteca Municipal, com objetivo de incentivar o hábito da leitura. Todo mês o leitor com mais títulos emprestados tem sua foto divulgada nos jornais, no site da prefeitura, nas instalações da própria Biblioteca e também arquivadas no acervo da instituição.

A iniciativa começou em maio de 2015 e até dezembro foram homenageados oito leitores do mês. Pedro Peres, eleito em três ocasiões, Antonio Alberto Caliman, Robison Edilson Oliveira, Edna Vergna, Monique Freire de Oliveira e os irmãos gêmeos Gabriel e Fernanda Barbosa Perna.

Com mais de 30 mil obras, a Biblioteca Municipal funciona de segunda a sexta-feira, das 12h às 18 horas. O leitor pode emprestar livros, buscando pessoalmente ou solicitando via telefone, no serviço delivery, pelo número 3582-5686, ou e-mail, no endereço eletrônico bibliotecaevandrom@hotmail.com. Nos dois casos, é necessário fornecer seus dados, como nome, endereço, telefone e número de carteirinha. Quem ainda não for cadastrado, pode fazê-lo também via telefone.
Leia Mais
Primeiro bebê do ano ganha a primeira árvore do projeto “Nasce Uma Vida”

Primeiro bebê do ano ganha a primeira árvore do projeto “Nasce Uma Vida”



Alice Pigatto Bastos foi o primeiro bebê nascido em Santa Rita do Passa Quatro, no ano de 2016. Filha de Juliana M. Pigatto e Anderson Bastos, a pequena Alice veio ao mundo no dia 2 de janeiro e já é “dona” de uma árvore no município, do projeto “Nasce Uma Vida, Plante Uma Vida”, desenvolvido pelo Departamento de Agricultura e Meio Ambiente da Prefeitura Municipal.

O primeiro plantio do projeto aconteceu na semana passada, com a presença do prefeito Leandro Luciano dos Santos e do provedor da Santa Casa, Bruno Dinardi. Uma muda da espécie conhecida como Árvore da China, própria para arborização urbana, foi plantada na calçada da residência onde a pequena Alice mora com os pais.

Outras 17 crianças já estão inscritas no projeto “Nasce Uma Vida, Plante Uma Vida”, e cada uma delas está recebendo uma muda de árvore para ser plantada.

Com apoio da Santa Casa de Misericórdia e da Polícia Ambiental local, o projeto começou este ano e visa doar uma muda de árvore para cada criança nascida no município. O objetivo é o estímulo ambiental, proporcionando aos pais, a possibilidade de plantar uma ár- vore em comemoração ao nascimento de seus lhos e, desta forma, contribuir com a melhora do meio ambiente, justamente para essa geração que está vindo.

A criança receberá um certi cado de “Amigo do Meio Ambiente”, onde cará registrada a espécie e o local que a árvo- re foi plantada. De acordo com o projeto, essa criança deverá desenvolver vínculo afetivo com a árvore iniciando desde o seu nascimento uma relação de harmo- nia com o meio ambiente.

A adesão ao projeto irá acontecer já na Maternidade da Santa Casa e os pais, ao fazer a adesão, receberão um informativo com telefone do Departamento de Meio Ambiente, para contato. O Departamento irá deslocar funcionário habilitado para estudar a melhor opção de plantio para a família. Dentre as opções que serão oferecidas, estão espécies para calçada, quintal ou, não havendo possibilidade, em espaço público disponibilizado pela Prefeitura.

Nesse momento, o funcionário irá orientar sobre as espécies indicadas para a arborização urbana. Caso a família opte por uma espécie nativa de grande porte, um local será indicando para o plantio, onde o exemplar poderá desenvolver-se livremente sem causar problemas futuros para o morador e município em relação a ação, muro e calçamento.

Com mais este projeto, o Departamento de Meio Ambiente espera incentivar ações de boas práticas ambientais nas pequenas ou grandes oportunidades, buscando parcerias positivas e que caracterizem ganho para o meio ambiente.
Leia Mais